Blog / Saúde / GRIPES OU CONSTIPAÇÕES?


GRIPES OU CONSTIPAÇÕES?


28 Dez 2020 Publicado por Dietmed

Dietmed - GRIPES OU CONSTIPAÇÕES?
 

O inverno, pelas características ambientais que apresenta, influencia direta e indiretamente a nossa saúde, sendo particularmente mais severo em alguns grupos mais vulneráveis, tais como: crianças, idosos e doentes crónicos.

 

As características ambientais que mais influenciam de forma negativa são:

• Temperaturas baixas,

• Aumento da humidade,

• Chuva, neve e nevoeiro e

• Queima de combustíveis para aquecimento.

 

Gripes ou constipações?

A gripe e a constipação são doenças bem diferenciadas uma da outra. Ambas são causadas por vírus, contudo são vírus muito distintos entre si. A constipação é causada predominantemente por vírus da família Rinovírus, enquanto que a gripe é causada pelo vírus da Influenza.

 

Sintomas da constipação:

Na constipação aparece corrimento e congestão nasal, ocorrendo com frequência irritação da garganta e tosse. Raramente surge febre e quando surge é baixa (inferior a 38ºC).

 

Sintomas da gripe:

Por outro lado, os sintomas da gripe são muito mais intensos, normalmente aparece bruscamente uma febre alta (39-40ºC), arrepios, dores pelo corpo, mal-estar e prostração.

 

Cuidados a ter para prevenir:

1. Evite o álcool (ação vasodilatadora) e as bebidas que contenham cafeína (ação diurética),

2. Se fuma, deixe de fumar (além dos malefícios que causa, tem ação vasoconstritora),

3. Utilize calçado isolante e impermeável,

4. Use vestuário adequado ao frio e chuva. Quando molhado, troque-o o mais rapidamente

possível,

5. Mantenha uma ventilação adequada dos espaços fechados,

6. Garanta uma manutenção adequada dos meios de aquecimento que utiliza, observando as respectivas normas operativas e de segurança,

7. Beba muitos líquidos, de modo a manter-se hidratado,

9. Tenha uma alimentação saudável, racional e equilibrada, recorrendo sempre que necessário aos Suplementos Alimentares,

10. Diminua o stress na sua vida. O stress afeta o bom funcionamento do organismo, inclusive do sistema imunológico.

 

Soluções Naturais

 

Equinácia: são utilizadas as raízes. Estas são constituídas por ácidos gordos, óleo essencial, fitosteróis, rutósido, alcalóides pirrolizidínicos, equinacósidos A e B, equinacinas, entre outros. Apresenta as seguintes propriedades: Imunoestimulante, ação anti-inflamatória e antiviral. Útil em casos de profilaxia e tratamento de gripes e constipações.

 

Salgueiro-branco: utilizam-se as cascas e muito raramente as folhas (por serem mais pobres em salicina). É constituída por: glicósidos e ésteres salicílicos (salicina, salicortina, outros), taninos catéquicos, heterósidos de fenóis, ácidos fenólicos e flavonóides. Apresenta, entre outras, as seguintes propriedades: analgésica, antipirética e anti-inflamatória;

 

Própolis: é elaborada pelas abelhas a partir de resinas recolhidas à superfície de diversas espécies vegetais, sendo rica em componentes voláteis que lhe conferem um odor balsâmico. Apresenta propriedades antimicrobianas, antioxidantes, antiinflamatórias e imunomoduladoras.

 

Dr. Ricardo Leite,

Farmacêutico e Diretor Técnico da Dietmed